Environmental Drivers and Network Structure of Hylid Anurans (Amphibia: Hylidae) in Floating Meadows from Amazonian Oxbow Lakes

18 de abril de 2022

abr 18, 2022

Lucicléia Railene Assis de Matos, Werther Pereira Ramalho, Filipe Viegas de Arruda, Karoline Ceron, Pedro Luna, Lucena Rocha Virgílio e Lisandro Juno Soares Vieira

A partir de coletas de animais em lagos de meandro do Rio Purus, no município de Boca do Acre, pesquisadores do IPAM (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia), da UFAC (Universidade Federal do Acre) e do Instituto Boitatá buscam compreender melhor os fatores que regem a variedade de espécies de anuros (grupo de anfíbios que inclui sapos, rãs e pererecas), macrófitas (plantas aquáticas que vivem em ambientes alagados) e macroinvertebrados (pequenos invertebrados que vivem nos rios).

“É como se pensássemos em uma praça de alimentação. Quando um anfíbio tem muitas opções de alimento, ele vai se adaptar para comer um alimento específico. No entanto, quando esses animais têm menos opções, a competição por aquele alimento fica maior e isso diminui o espaço para que diferentes espécies encontrem alimento”, explica o pesquisador do IPAM Filipe Viegas de Arruda, co-autor do artigo.

Baixar (sujeito à disponibilidade)

Download (subject to availability)

Veja também

See also

Commodity production in Brazil, it is not (all) about deforestation: combining zero deforestation and zero illegality

Commodity production in Brazil, it is not (all) about deforestation: combining zero deforestation and zero illegality

In the last eight years, we have seen a drastic reduction in deforestation rates in the Brazilian Amazon. The annual deforestation rate in 2014 (484.8 thousand ha) was 75% lower than the historical average between 1996 and 2005 (1.95 million ha). This reduction has...

Protocolo de Quioto

Protocolo de Quioto

Protocolo de Quioto editado e traduzido pelo Ministério da Ciência e Tecnologia com o apoio do Ministério das Relações Exteriores da República Federativa do Brasil.