Commodity production in Brazil, it is not (all) about deforestation: combining zero deforestation and zero illegality

20 de fevereiro de 2015

fev 20, 2015

Andrea Azevedo, Marcelo Stabile, Tiago Reis, Paulo Moutinho

In the last eight years, we have seen a drastic reduction in deforestation rates in the Brazilian Amazon. The annual deforestation rate in 2014 (484.8 thousand ha) was 75% lower than the historical average between 1996 and 2005 (1.95 million ha).

This reduction has been attributed to a variety of factors, with the prevalence of state and federal public policies, as well as the improvement in environmental governance. The market has also played a role in the reduction of deforestation with initiatives such as the soy and beef moratorium in the Brazilian Amazon. This change in the Brazilian market was the response to social pressure from markets such as the European, as well as local actions taken by the state’s public attorneys.

Baixar (sujeito à disponibilidade)

Download (subject to availability)

Veja também

See also

Caminhos para uma Agricultura Familiar sob Bases Ecológicas: Produzindo com Baixa Emissão de Carbono

Caminhos para uma Agricultura Familiar sob Bases Ecológicas: Produzindo com Baixa Emissão de Carbono

Com o intuito de promover um diálogo qualificado sobre os caminhos da produção familiar rumo a uma produção de baixa emissão de carbono, o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), em parceria institucional com a Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), o Núcleo de Estudos Agrários e Desenvolvimento Rural (NEAD), o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra - Ministério do Desenvolvimento Agrário), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Ministério do Meio Ambiente (MMA), realizou um seminário, no dia 13 de junho de 2013, intitulado “Caminhos para uma Agricultura Familiar sob Bases Ecológicas: produzindo com Baixa Emissão de Carbono”. O livro traz os artigos escritos pelos especialistas que participaram do evento e foram elaborados com uma visão para a diversidade que permeia todos os biomas, divididos em eixos lógicos que procuraram responder aos desafios da agricultura familiar.