×

IPAM Amazônia | Cartilha – Plano Estadual da Agricultura Familiar de MT

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas
IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Cartilha – Plano Estadual da Agricultura Familiar de MT

30.08.2017Documentos e relatórios

A agricultura familiar é realizada em pequenas propriedades e representa uma atividade fundamental para a produção de alimentos, geração de renda e empregos, o crescimento econômico regional e a conservação ambiental em função da relação afetiva com a terra. O Plano Estadual da Agricultura Familiar de Mato Grosso, que você vai conhecer nesta cartilha, teve a participação de cerca de 880 pessoas, vindas de 99 cidades (ou seja, 70% dos municí­pios de Mato Grosso).

O plano foi feito por uma parceria da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (SEAF) com o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), o Instituto Centro de Vida (ICV) e a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (EMPAER), sob a coordenação do Conselho Estadual de Desenvolvimento Rural Sustentável – CEDRS/MT.

 

ERRATA (02/07/2018)

Informamos que na página 5 da cartilha onde se lia: “Segundo a pesquisa de Produção Agrícola Municipal (PAM 2015) e a Pesquisa Pecuária Municipal (PPM 2015), do IBGE, veja quantas toneladas (ou milhares de litros, no caso do leite) a agricultura familiar em Mato Grosso produz por ano:” deve-se ler: “Segundo o Diagnóstico da Agricultura Familiar de Mato Grosso* veja quantas toneladas…”

*O Diagnóstico da Agricultura Familiar de Mato Grosso é fruto da parceria do IPAM e SEAF no esforço de identificar a situação deste setor no estado em subsídio à elaboração do PEAF MT. Entre levantamento de dados, reuniões e entrevistas com diversos órgãos do governo e entidades da sociedade civil, assim como dois referidos workshops (novembro de 2015 e agosto de 2016), foi produzida grande quantidade de dados e informações inéditas que estão disponibilizados na plataforma PEAF. A participação do IPAM foi possível graças ao apoio da Aliança para o Clima e Uso da Terra (CLUA, do nome em inglês Climante and Land Use Alliance).

Download