Plano Estratégico: Companhia de Desenvolvimento dos Serviços Ambientais (CDSA)

5 de março de 2021

mar 5, 2021

Gladson de Lima Cameli, Wherles Fernandes da Rocha, Flávio Pereira da Silva, Anderson Abreu de Lima, Carlos Ovídio Duarte Rocha, José Luiz Gondim dos Santos, Rosangela Silva de Oliveira Benjamim, Celso Nascimento de Souza, Francisco Ernandes Freire Negreiros, Francisca Oliveira de Lima Costa, Erick Venancio de Lima Nascimento, Wellington Divino Chaves de Souza, José Ricardo Leite de Medeiros, Luma André Maia Lameira, Leonardo das Neves Carvalho, Rosembergue Almeida Aguiar, Thales Augusto Moreno de Farias, Ari Palu Junior, Maria Antonieta de Lima Silva, José Ricardo Leite de Medeiros, Suelane Cavalcante Gomes Marques, Sandreia Ferreira da Conceição, Adriano Sales Santos, Mauro Tavernard, Ângela Rodrigues, Eugênio Pantoja, Gabriela Savian e Jarlene Gomes.

O Plano Estratégico da Companhia de Desenvolvimento de Serviços Ambientais S/A, é parte integrante da reformulação da atuação da Companhia com uma nova orientação estratégica e organização institucional focada para a construção de uma cultura empresarial e empreendedora para o cumprimento de suas atribuições, competências e natureza jurídica. A reformulação e estruturação apresentada no plano, promoverá o desenvolvimento e execução de programas e subprogramas no âmbito do Sistema Estadual de Incentivos a Serviços Ambientais – SISA; no desenvolvimento da regulamentação para contabilidade de carbono; a reestruturação financeira e a arquitetura institucional para a integração dos programas, projetos e ações voltadas ao estabelecimento de uma economia de baixa emissão de gases de efeito estufa.

Baixar (sujeito à disponibilidade)

Download (subject to availability)



Este projeto está alinhado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Saiba mais em brasil.un.org/pt-br/sdgs.

Veja também

See also

VIPP – Manual de facilitação e visualização em processos participativos

VIPP – Manual de facilitação e visualização em processos participativos

Esta edição reflete a aplicação de métodos participativos em diferentes projetos de desenvolvimento no mundo. Os conceitos propostos, apesar de não serem novos, estão sistematizados nesse único documento que não tem a pretensão de ser finalista. Então, sugerimos que ele seja utilizado pelos participantes com a ideia de agregar novas contribuições.