×

IPAM Amazônia | Climatic limit for agriculture in Brazil

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas
IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Climatic limit for agriculture in Brazil

11.11.2021Artigos científicos Ludmila Rattis, Paulo M. Brando, Marcia N. Macedo, Stephanie A. Spera, Andrea D. A. Castanho, Eduardo Q. Marques, Nathane Q. Costa, Divino V. Silverio, Michael T. Coe

Brazil’s leadership in soybean and maize production depends on predictable rainfall in the Amazon-Cerrado agricultural frontier. Here we assess whether agricultural expansion and intensification in the region are approaching a climatic limit to rainfed production. We show that yields decline in years with unusually low rainfall or high aridity during the early stages of crop development—a pattern observed in rainfed and irrigated areas alike. Although agricultural expansion and intensification have increased over time, dry–hot weather during drought events has slowed their rate of growth. Recent regional warming and drying already have pushed 28% of current agricultural lands out of their optimum climate space. We project that 51% of the region’s agriculture will move out of that climate space by 2030 and 74% by 2060. Although agronomic adaptation strategies may relieve some of these impacts, maintaining native vegetation is a critical part of the solution for stabilizing the regional climate.

Read the full article.

Leia o artigo completo.


Este projeto está alinhado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Saiba mais em https://brasil.un.org/pt-br/sdgs.