×

IPAM AmazôniaSobre o IPAM - IPAM Amazônia

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas
IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

Protocolo quioto, o que é protocolo de quioto, porque lugares como florestas tem mais chuvas?, credito de carbono, redd, mudanças climáticas globais, o que é efeito estufa, protocolo de kyoto

Protocolo de Quioto, Ipam, Efeito Estufa, Mercado de Carbono, Recuperação de áreas degradadas, Mudanças Climáticas, Crédito de Carbono, Mudanças Globais climáticas

IPAM Amazônia | Desenvolvimento sustentável da Amazônia pelo crescimento econômico, justiça social e proteção da integridade de seus ecossistemas.

NOSSO PROPÓSITO

O Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) é uma organização científica, não governamental, apartidária e sem fins lucrativos que desde 1995 trabalha pelo desenvolvimento sustentável da Amazônia, de modo a gerar prosperidade econômica, justiça social e a conservação da integridade funcional dos ecossistemas da região.

A nossa missão é Ciência, educação e inovação para uma Amazônia ambientalmente saudável, economicamente próspera e socialmente justa.

Nossa História

Em 1995, ainda influenciados pelos desdobramentos da ECO 92, um grupo de pesquisadores se juntou em Belém para criar o IPAM, uma organização não governamental com uma abordagem pioneira: produzir conhecimento científico engajado a ações no campo e discussão de políticas públicas. Naquele momento havia muitas perguntas sobre a Amazônia e a velocidade e as causas da sua devastação, sua influência na regulação climática e os passos para gerar um modelo de desenvolvimento sustentável para a população local.

Ao longo dos anos, o IPAM deu importantes contribuições para o Brasil e o mundo produzindo conhecimento e testando a aplicação e a viabilidade de políticas públicas. Participou de momentos importantes da agenda socioambiental, como na concepção do conceito REDD+, no Plano Nacional de Mudanças do Clima, em projetos de lei que implementaram o REDD no Mato Grosso, ICMS Verde do Pará e na construção do entendimento sobre o papel e a resiliência das florestas às mudanças climáticas.

Depois de 20 anos se conhece mais sobre a Amazônia, mas os desafios persistem e se renovam. Apesar de aquele pequeno grupo ter se expandido para nove escritórios regionais e 140 colaboradores, a abordagem do IPAM se mostra ainda necessária. Aliar conhecimento científico com conhecimento tradicional, a manutenção dos ecossistemas com o desenvolvimento econômico, o anseio das populações locais com o desenho de políticas públicas é o caminho que o IPAM trilha nessas duas décadas, e que planeja trilhar pelos próximos.